quarta-feira, 9 de outubro de 2019

10 e 11 out - 4º Encontro das Biblitoecas Escolares do Concelho de Almada

De 10 a 11 de outubro , das 10h00 às 18h00, no Cineteatro Academia Almadense, ocorre 

No dia 11 de outubro, pelas 14h00, procede-se à entrega do prémios do Concurso Biblioteca Escolar , + Leitura + Sucesso, no âmbito do Plano Municipal de Promoção do Sucesso Educativo



Organização
Câmara Municipal de Almada. Rede de Bibliotecas Escolares do Ministério da Educação

Condições de Participação
Entrada gratuita sujeita a inscrição prévia

Observações
Biblioteca Municipal de Almada
Praça da Liberdade
Tel:21 272 49 20
    
Email: bibl.mun.alm@cma.m-almada.pt

Leia mais sobre o programa aqui!

sexta-feira, 4 de outubro de 2019

6- out - Eleições legislativas. Levante-se cedo e exerça o seu direito de voto!

As eleições legislativas realizam-se no domingo, dia 6 de outubro. 



- Podemos votar entre as 8 e as 19 horas. Depois desta hora, só podem votar os eleitores que se encontrem dentro da assembleia de voto.

- Devemos ser portadores do documento de identificação civil ou de qualquer outro documento oficial que contenha a nossa fotografia atualizada (Passaporte ou Carta de Condução, etc.).

- Para assinalar o nosso voto, devemos fazer uma cruz dentro de um quadrado do boletim de voto correspondente à candidatura concorrente à eleição em que pretendemos votar, a seguir ao respetivo símbolo.


NÃO SABE ONDE VOTAR? NÃO HÁ PROBLEMA!

Envie uma mensagem para o nº 3838. No texto da mensagem, tem de escrever RE (espaço), o seu número de identificação (espaço) e inserir a data de nascimento no formato ano, mês, dia. Exemplo: RE 12345678 19891007



QUE TIPO DE ELEIÇÕES EXISTEM? COMO SE VOTA?
O filme que se segue ajuda-nos a compreender o processo eleitoral 
e intitula-se «Para de te queixar!»




Votar é um direito e um dever cívico!



4 out- Resultado da votação do Calendário do Mar

Ao votar no melhor trabalho do Calendário do Mar, os alunos aprenderam a importância do voto, o direito ao mesmo que nos é conferido pela constituição da República. 

Também aprenderam como funciona uma mesa de voto, fizeram parte de uma com cadernos eleitorais e boletins de voto, para poderem votar no melhor trabalho do Calendário do Mar. 

A proximidade das eleições legislativas serviu de pretexto para sensibilizar os alunos para a importância das mesmas e para envolver toda a Comuniade Escolar na escolha dos trabalhos que se encontram no átrio do Pavilhão 1, numa exposição que merece ser visitada e que tem a curadoria da Prof. Teresa Cameira. 

Os resultados da votação levada a cabo, ontem, durante todo o dia, com a supervisão das turmas do 6º ano de escolaridade, são os seguintes: 




O 1º prémio resulta de um trabalho coletivo realizado por todos os alunos das turma A, B, C, D, E, F do 5º ano de escolaridade. 



Os 2º e 3º prémios têm cariz individual. 





Ainda que alguns dos trabalhos não tenham obtido nenhum voto, não deixam de ser todos muito belos. Os alunos que criaram do Calendário do Mar estão todos de parabéns! 

Felicitações aos alunos que elaboraram o calendário  e que este ano estão no 6º ano de escolaridade, também, pela forma organizada e responsável com que levaram a cabo todo o processo eleitoral! 

E... não se esqueçam de sensibilizar a família a ir votar no domingo, dia 6 de otutubro, nas eleições legislativas. Votar é um direito e um dever cívico muito importante!

quinta-feira, 3 de outubro de 2019

3 out- Calendário do Mar - Eleição do melhor trabalho


No dia 3 de Outubro e no contexto das eleições legislativas próximas, tem lugar na Escola Básica e Secundária Anselmo de Andrade (ESAA) a votação do melhor trabalho do Calendário do Mar.

A elaboração do Calendário do Mar foi dinamizada pela Prof. Teresa Cameira, no âmbito do projeto Eco-Escolas. Os trabalhos foram criados com recurso à técnica de colagem e representam a biodiversidade marinha - elementos ou ecossistemas.

Trata-se de uma ação que simula todo o processo de votação, com cadernos eleitorais e mesa de voto, que estará a cargo das turmas do 6º ano de escolaridade.  

A exposição do Calendário do Mar está patente no bloco 1 e, tratando-se de uma eleição, que implica o exercício da cidadania, toda a comunidade escolar está convidada a votar no melhor trabalho.

Por ocasião da realização desta iniciativa, da responsabilidade da Prof. Teresa Cameira e da Biblioteca Escolar da ESAA, com a colaboração de docentes da escola, os alunos foram, também, sensibilizados no sentido de convidarem os membros da família a votarem nas eleições legislativas do dia 6 de outubro próximo. 



No contexto da elaboração do Calendário do Mar, a ESAA convidou a Associação de Pesca e Arte Xávega da Costa de Caparica para realizar um workshop sobre arte xávega com as turmas envolvidas, que aderiram com muito entusiasmo.  







terça-feira, 24 de setembro de 2019

24 out 2019- O Elogio da leitura - 3ª Conferência do PNL2027


A terceira conferência do PNL2027 é dedicada ao elogio da leitura como forma de enaltecimento do lugar que esta mantém no nosso tempo e da consciência do seu papel em benefício das sociedades.

A leitura, na sua multifuncionalidade, é o principal instrumento de acesso à aprendizagem e ao conhecimento, de domínio sobre a informação e a comunicação, de compromisso ético e cívico, de afirmação da liberdade e dignidade humanas.

2019-2020- Bom ano letivo!


As bibliotecas do Agrupamento de Escolas Anselmo de Andrade desejam a toda a comunidade escolar um bom ano letivo!


Convidamo-vos a seguirem-nos: 


2- no Twitter:
https://twitter.com/aeaa_biblio

3- no Instagram: 
aeaa_biblio

Leia, aprenda e pesquise sobre vários assuntos e temáticas nos sites de referência cujas ligações surgem indicadas na coluna do lado direito do nosso blogue, nomeadamente a Casa Fernando Pessoa, o Arquivo Pessoa, o IPMA, a Nasa,  na Coursera, na EdX e na The Open University pode fazer cursos livres em várias áreas de saber e aprenda Matemática com a Khan Academy, entre outros recursos disponíveis. 

Durante este ano letivo, entre outras atividades, a biblioteca escolar dstaca a comemoração dos  500 anos da viagem de circum-navegação de Fernão de Magalhães e os 100 anos de Sophia de Mello Breyner Andresen

Neste blogue, damos notícias das atividades realizadas na Escola Básica e Secundária Anselmo de Andrade, da  Escola Básica/Jardim de Infância Feliciano Oleiro e Escola Básica/Jardim de Infância nº 1 do Pragal. 

Aos nossos leitores, quer em Portugal quer os que nos chegam de todo o mundo,  agradecemos sensibilizados as visitas ao blogue das bibliotecas do Agrupamento de Escolas Anselmo de de Andrade!


Sejam bem-vindos! 

sábado, 27 de julho de 2019

2018-2019- O prazer de Ler a meias com...Manuela Caeiro este ano letivo

Durante este ano letivo tivemos a oportunidade de voltar a «Ler a meias» com a voluntária de leitura, a Professora Manuela Caeiro. 

As sessões foram mágicas como sempre e despertaram nos alunos o interesse pela leitura. 

Ficam aqui os relatos da experiência pela voz da Professora Manuela Caeiro.



7 de dezembro de 2018 - Regresso à escola Feliciano Oleiro...

Recomeços... em finais de período e de ano.

Senti-me em casa na  biblioteca escolar da EB1 Feliciano Oleiro, em companhia das turmas 4ºA e 4ºB.

As temáticas escolhidas? Eu conto! - Realidade e fantasia... Emigração e dificuldades de adaptação... Amor e solidariedade... E, claro, Natal.

Os meninos gostaram das histórias, escutaram atentos, participaram, opinaram... Sabiam que o saco tinha outros livros e queriam mais...

A professora Vanda Cândido anotou títulos - que têm já leitores à espera.
E o regresso do Ler a meias... ficou combinado para janeiro.
Tão bom!
Boas Festas para todos!





Bibliografia: 

Joana Estrela, A rainha do Norte, Planeta Tangerina

José Campanari & Jesús Cisneros, E que posso eu fazer?, OQO Editora

Manuel António Pina, O cavalinho de pau do Menino Jesus, Jornal Expresso (separata da edição nº 1675)
Maria Rosa Colaço, Versos diversos para meninos travessos, Europress





11 de janeiro de 2019 - Ano novo..., na EB Feliciano Oleiro

4º A

Novo ano, fazer anos, o tempo que passa, recomeços e coragem...: eis o tema escolhido para as nossas poesias e histórias, este mês.

Livros velhinhos e tão bonitos!

Uma lengalenga serviu para pôr todos a participar e a puxar pela memória: A casa do João.

Rosa Colaço ofereceu-nos o Dia um   Ano primeiro  e   Dia de anos do Pedro.

Esther de Lemos contou-nos a história de um outro Pedro, pescador, e como a sua noiva o ajudou a recomeçar a vida, depois de tudo ter perdido num temporal. Com a lição do espelho, do relógio e do xaile.
Os meninos das duas turmas escutaram e participaram ativamente, com questões muito oportunas e bem-vindas.
O tempo voou.
No 4ºA, ainda recontámos, a partir das imagens, A menina que detestava livros...Ficou o convite para a leitura deste livro da biblioteca escolar. E a verdade é que o convite surtiu efeito.


4º B

Até 28 de fevereiro, meninos.

Bom Ano Novo!



Bibliografia:

Esther de Lemos, A borboleta sem asas e outras histórias, Coleção Picapau, Verbo
Judy Hamilton, A casa do João, Livros Aranhiço, Editora Replicação
Manjusha Pawagi/Leanne Franson, A menina que detestava livros, Terramar
Maria Rosa Colaço, Versos diversos para meninos travessos, Europress



31 de janeiro de 2019 - Pragal, quatro anos depois...



Não ia ao Pragal há muito tempo. Nesse "último" ano, a professora Ana Oliveira lecionava um quarto ano e tem agora o 4º B. Logo, foi tirada a prova dos nove: passaram-se mesmo 4 anos. Curiosamente, cruzara-me com a professora Sónia Hermenegildo, do 4ºA, há mais anos ainda, nos Cataventos de Paz.

Reencontros felizes.



4ºA
4ºB
Com estes meninos, foi tempo de apresentação.

Passámos sem demora ao Ler a meias...
O inverno e o tempo das amendoeiras em flor sugeriram a leitura da lenda algarvia, recontada por Joana Estrela, que mereceu escuta atenta e participada.
Seguiu-se a história fantástica de uma estrela que certa noite caiu junto de um menino, por acaso muito medroso, que teve de se pôr em bicos dos pés... uma história que proporcionou um momento maravilhoso.
Duas obras escutadas com encantamento e sedução, por ambas as turmas.
Houve uma terceira, diferente em cada turma:
No 4ºA, terminámos animadamente com uma lengalenga: A casa do João.
No 4ºB, pela circunstância de estar presente um menino moçambicano, lemos, a meias, um conto tradicional de Moçambique: O macaco e o tubarão. E, no final da sessão, os alunos recontaram-no. Muito bem!
"Muito bom", dissemos a professora Eveline e eu, à despedida, ao fazer o balanço do dia. E foi, realmente.


Bibliografia:

Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada / Danuta, Rãs, príncipes e feiticeirosoito histórias dos oito países que falam português, Caminho

David Machado / Paulo Galindro, Uma noite caiu uma estrela, Alfaguara

Joana Estrela, A rainha do Norte, Planeta Tangerina

Judy Hamilton / Lindsay Duff, A casa do João, Editora Replicação





28 de fevereiro de 2019  - Sente-se o Carnaval, na Feliciano Oleiro...


Carnaval à porta; havia um painel com máscaras em exposição; um ou outro menino trazia pintura facial, um par de óculos gigantesco..., algo a pedir folia.
Nem de propósito! Começámos por um texto informativo sobre o Carnaval que alguns meninos aceitaram ler a meias
Depois, pusemos a imaginação à prova: se caísse uma estrela, o que poderíamos fazer para ela deixar de nos incomodar de noite, com a sua luz? (O Óscar teve um trabalhão!… Ou será que não?)



Para prosseguirmos a nossa aventura, lemos e contámos histórias do mundo lusófono: A rã Mainu, um conto tradicional de Angola (no 4º A); O macaco e o tubarão, um conto tradicional de Moçambique (no 4º B).
Os alunos do 4ºB ainda recontaram uma outra história, a partir das ilustrações (A menina que detestava livros). (O 4ºA fizera o mesmo na sessão anterior.)
E agora todos poderão ler qualquer destes livros (exceto o de David Machado e Paulo Galindro), pois todos eles pertencem à biblioteca escolar.
Boas leituras!
Os livros são amigos que criam laços de afeto... Se não acreditam é porque não viram os meninos a abraçarem-me à despedida!...
Também queriam muito saber quando volto.
Eu digo: 21 de março.


Bibliografia:

Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada/ Danuta, Rãs, príncipes e feiticeiros, Caminho
David Machado/ Paulo Galindro, Uma noite caiu uma estrela, Alfaguara
Luisa Ducla Soares/ Maria João Lopes, O livro das datas, Civilização
Manjusha Pawagi, A menina que detestava livros, Terramar




21 de março de 2019 - Dia Mundial da Floresta e da Poesia...

Foi hoje, na Feliciano Oleiro.
Não podíamos passar indiferentes à celebração deste dia dedicado à primavera, à árvore, à floresta e à poesia. Então, reunimos um livro pop-up, prosa poética, narrativas e poemas; uns livros velhinhos e outros novinhos em folha - os primeiros da biblioteca escolar e os últimos da mediadora de leitura.
4ºA
Falámos de árvores e ninhos; de passarinhos e pintainhos; de amor, de casas feitas de sonho... (e de não desistir deles!) Palavras soltas, apelando à imaginação e ao amor à natureza.

4º B
Ricardo Alberty (1919-1992) ficaria feliz ao ver o seu conto "A galinha verde" entre as leituras preferidas do dia, em ambas as turmas de 4º ano, sessenta e dois anos depois de o ter escrito!... (Mais um dos livros da biblioteca que os meninos tencionam requisitar.)
Momentos de prazer, à volta de todos os livros. 
Vivam a poesia e a primavera!
Vivam os ternos laços de afeto que se tecem à roda da Literatura!


Bibliografia:

Ingrid Chabbert/ Guridi, O dia em que me tornei pássaro, The Poets and Dragons Society 
Maria Alberta Menéres, No coração do trevo, Verbo
Maria Keil, O pau-de-fileira, Livros Horizonte
Philippe Ug, Drôle d'oiseau, Les grandes personnes
Ricardo Alberty/Eliana Brandão, A casa feita de sonho, Melhoramentos
Ricardo Alberty, A galinha verde, Ática







28 de março de 2019 - Primavera e muito mais, no Pragal...


De regresso ao "Pragal", em dia primaveril, voltámos a pegar em livros diferentes e em temas diversos...:
- Um pop-up, evocando a primavera e os ninhos de passarinhos.
- O menino que "se transformou" em pássaro, para ser notado por quem só tinha olhos para essas aves... (Uma linda história de amor.)
- Poesia de Maria Cândida Mendonça (4ºA) e de Cecília Meireles (4ºB).

Acontece que o poema Ou isto ou aquilo, desta última autora, levou a que os meninos do 4ºB pudessem optar entre duas histórias: A galinha verde (lida ao 4º A e aos colegas da Feliciano Oleiro) ou O lápis mágico de Malala.
- Escolheram este último e gostaram muito.
(Prometo lê-lo ao 4ºA, na próxima sessão.)
- Muitas conversas, bem oportunas, foram desfiadas, a propósito das várias leituras feitas.
A Professora bibliotecária anotou os pedidos de livros que os alunos desejam ter na sua biblioteca escolar.

.
E despedimo-nos com alegria:
Kanimambo! Obrigada!...
Até maio!

Bibliografia:
Cecília Meireles, Ou isto ou aquilo, Editora Nova Fronteira
Ingrid Chabbert/ Guridi, O dia em que me tornei pássaro, The Poets and Dragons Society 
Malala Yousafzai/Kerascoet, O lápis mágico de Malala, Presença
Maria Cândida Mendonça. A cor que se tem, Plátano Editota
Philippe Ug, Drôle d'oiseau, Les grandes personnes
Ricardo Alberty, A galinha verde, Ática


9 de maio de 2019 - Voltámos à Feliciano Oleiro...

A biblioteca escolar estava ocupada com provas de aferição, mas continuavam disponíveis as salas de aula… Foi só mudar de espaço.
Ordem habitual: primeiro, o 4ºA.  O Ler a meias mudou de sala, com os livros lidos na mão… Em seguida, o 4ºB.
Fizeram-se precisamente as mesmas leituras. Localizaram-se países, no mapa-múndi de cada sala. Em cada quadro ficou registada a "palavra mágica", UBUNTU: «Eu só sou feliz quando todos somos felizes.» Tudo tal e qual, aparentemente.
E acham que as sessões foram iguais? Não! Nunca é exatamente igual. A maneira como as turmas reagem aos livros, as suas preferências, as suas intervenções mudam tudo.
Por exemplo, de que livros lidos nas sessões anteriores se lembravam eles? (Fiquei encantada com a boa memória!) Houve diferenças entre o 4º A e o 4ºB. De que livro desta sessão gostaram mais? Foram diferentes as votações!...
Que lemos hoje?
- Um conto africano da Namíbia.
- Uma lengalenga escrita por um autor uruguaio, a partir de uma lenda do Brasil (do Ceará).
- Uma brincadeira de um brincador português…
- Um livro da biblioteca escolar (muito apreciado, por sinal): Quero ser escritor.

Ler a meias... conclui: foi muito bom sentir quanto os meninos apreciam estes momentos de convívio à roda dos livros.
Voltaremos no dia 6 de junho.


Bibliografia:
Álvaro Magalhães/José de Guimarães, O brincador, ASA
Eduardo Galeano/António Santos, História da ressurreição do papagaio, Kalandraka

Inês Castel-Branco/Maria Ella Carrera, A tua canção, Pequena Fragmenta
Rosário Alçada Araújo/Catarina França, O menino escritor, Quid Novi




16 de maio de 2019 - No Pragal, dia de reencontros...

4ºA
Os meninos chegaram bem cedinho e muito animados à sua biblioteca, com desejo de ouvir histórias. E com três livros (em cada sessão) se preencheu o tempo e se satisfez a curiosidade e esse desejo...
Para começar, um conto cigano (por sinal o mesmo, em ambas as turmas).
A história de Malala (promessa cumprida!) foi a 2ª leitura do 4ºA.
Para terminar, a lenda do Ceará.
Faltava um conto africano. Será lido na próxima vez. Não esqueceremos!








4ºB
Chegou de imediato o 4ºB.
Depois do conto cigano, elegeram uma história africana. A viagemA tua cançãoTomé Bombom?  Votaram. Os dois últimos, os mais votados, ficaram a um voto de distância. Ora bem, lemos ambos.

A lenda do Ceará fica para a próxima. Está prometido o saltinho ao Brasil!
Temos data marcada: 13 de junho.



Bibliografia:
Eduardo Galeano/António Santos, História da ressurreição do papagaio, Kalandraka
Inês Castel-Branco/María Ella Carrera, A tua canção, Pequena Fragmenta
João Pedro Mésseder e Isabel Ramalhete (Seleção e reconto)/ Fátima Afonso, Contos e lendas de Portugal e do mundo, Porto Editora
Malala Yousafzai/Kerascoet, O lápis mágico de Malala, Presença
Olinda Beja/Teresa Bondoso, Tomé Bombom, Edições Esgotadas


3 de junho - Despedidas, na Feliciano Oleiro...

Em vésperas do Dia Mundial do Ambiente, e já com férias à vista, pensámos no nosso atual modo de vida, a necessitar de mudanças, se quisermos evitar a destruição do planeta. Todos podemos e devemos ajudar!
Alguns meninos até sabiam das recentes manifestações de jovens do mundo inteiro, a exigir medidas dos governos para protegermos a Terra. Apoiado!

Preferem fazer viagens calmas, com piquenique e paragens pelo meio, ou ir diretos e chegar depressa ao destino? Seguir pela estrada nacional ou pela auto-estrada? E o que será melhor?

ficção científica veio pela voz de Luísa Ducla Soares. No manual de Língua Portuguesa, existe um excerto de Século XXVII, cidade de Alcochete que souberam recontar. Agora, já conhecem o conto integral. (O Homem não aprende?!!!...)

4ºB
No 4º B, houve tempo para mais uma história, fantástica e verídica: a de Malala. A lixeira à porta de casa, as meninas sem poderem estudar..., seria mesmo verdade?
Também aqui, havia quem tivesse ouvido falar de Malala pela televisão. Verdade, verdadinha!

4ºA
Se escasseia o tempo, aproveitam-se os últimos minutos... Deixei-os com vontade de descobrirem o Sabe mais que os teus pais...: ler histórias, aprender palavras escanifobéticas e fazer palavras cruzadas. Um saltinho à Feira do Livro, à Babel... - foi feita a sugestão (ao 4º A).
Sabe mais que os teus pais
As despedidas foram alegres: satisfeitos pelas histórias do dia e gratos pelos nossos momentos de leitura e convívio, ao longo do ano. (Todos nós.)
No 4º B, garantiram-me que, graças ao Ler a meias..., ficaram a gostar mais de livros!
Querem maior satisfação?...

Bibliografia: 
Isabel Minhós Martins/Bernardo Carvalho, As duas estradas  N126 vs A1, Planeta Tangerina
Luísa Ducla Soares/Rui Aguiar, Três histórias do futuro, Edições Afrontamento
Malala Yousafzai/Kerascoet, O lápis mágico de Malala, Presença
Sílvia Alves e Paulo Freixinho, Maria del Toro e Eunice Rosado, Sabe mais que os teus pais, Histórias ilustradas e palavras cruzadas, (Livros 1 e 2), Verbo




13 de junho de 2019 - Despedidas, no Pragal...

Dia de Sto. António: 131º aniversário de Fernando Pessoa. Poesia e música. Assim começou a sessão, recorrendo à Internet, escutando e trauteando a meias...: Quando as crianças brincamLogo em seguida, voltámos às nossas leituras.
4º A aguardava um conto africano. De Angola - pediram. Escutaram então O Iran e a noiva. Um conto tradicional bem fantasioso!
4º B, esperava por uma lenda do Ceará (Brasil), escrita em jeito de lengalenga... E assim a lemos, a meias...
Houve mais, em ambas as turmas:
Um grão de café de Olinda Beja, escrito a partir de uma lenda chinesa, transposta para a ilha do Príncipe, deu a conhecer Paguê, menino trabalhador e honesto que foi recompensado - para contentamento das duas turmas.
Férias à vista, ideias para atividades? Palavras cruzadas, pois claro! Divertem, melhoram a ortografia, alargam vocabulário..., até permitem saber mais que os pais! Paulo Freixinho dá uma grande ajuda, em papel ou na Internet.
A última paragem rematou a sessão: uma história a convidar a ver a cidade, respeitar a vizinhança e ser solidário. (4ºB)
Acontece que o 4ºA conhecia esta história. Eles não se importavam de a ouvir novamente, mas substituímo-la por outra: Amigos do peito.

À despedida, evocaram-se livros que lemos e ficaram na memória. O Top+...
Formularam-se votos de êxito e de boas férias.
Muita ternura. Agradecimentos mútuos e sinceros.
Bem hajam!


Webgrafia: 

Sítios de Paulo Freixinho:

Bibliografia:
Cláudio Thebas/Violeta Lópiz, Amigos do peito, bruaá editora

Eduardo Galeano/António Santos, História da ressurreição do papagaio, Kalandraka
Maria de Lourdes Tavares Soares e Maria Odete Tavares Tojal, Histórias de longe e de perto, Paulinas Editora
Matt de la Peña/Christian Robinson, A última paragem, Minotauro
Olinda Beja/Teresa Bondoso, Um grão de café, Edições Esgotadas
Sílvia Alves e Paulo Freixinho, Maria del Toro e Eunice Rosado, Sabe mais que os teus pais, Histórias ilustradas e palavras cruzadas, (Livros 1 e 2), Verbo



Foi com imensa alegria que tivemos a Professora Manuela entre nós a «Ler a meias» e já temos encontro marcado para o próximo ano letivo! 

Votos de boas férias e um grande abraço de todas as turmas do 4º ano da EB/JI da Feliciano Oleiro e do Pragal!